O comportamento adolescente e a cirurgia plástica

com Nenhum comentário

A cirurgia plástica tem alcançado um papel muito importante nos últimos tempos com a sua popularização. Com isto, um novo público em fase de auto afirmação e conhecimento surge, os adolescentes. De acordo com pesquisa feita pelo instituto Datafolha para a Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, o número de jovens entre 13 e 18 anos que procuram a cirurgia plástica é crescente no país, e em 2009 contabilizavam 6% dos procedimentos realizados.

Este é um período marcado por diversas transformações corporais, hormonais e comportamentais onde muitos adolescentes apresentam os primeiros sinais de insatisfação e dúvidas, principalmente com o corpo. Com amplo acesso à informação, poder de consumo garantido pelos pais e capacidade de decisão, muitos se sentem à margem dos padrões estéticos atuais e procuram na cirurgia plástica uma melhora na qualidade de vida.

Esta fase é de construção da personalidade, na qual a auto-estima, a vontade e a necessidade de sentir-se bem e pertencer a um grupo são importantes e muitos tendem a sofrer a influência da opinião dos amigos. Mas é preciso estar atento, muitas vezes o adolescente está realmente insatisfeito com alguma imperfeição estética com problemas reais, que beiram a infelicidade e a retração em uma fase da vida, que já é propriamente cheia de dúvidas e inseguranças.

A responsabilidade do cirurgião plástico que tem a expertise para optar pelo melhor tratamento a ser aplicado em cada paciente, também é a de decidir se as queixas do adolescente são procedentes ou não. É necessário avaliar o tipo de cirurgia que o jovem paciente deseja, idade, maturidade corporal e emocional. A plástica deve ser feita no momento em que há plena compreensão dos riscos, maturidade de personalidade para encarar as fases do procedimento, como a preparação e o pós operatório. A região a ser operada tem que estar em condições ideais e as cirurgias mais procuradas são o aumento ou redução de mama, ginecomastia, lipoaspiração, rinoplastia e otoplastia.

Após o procedimento a segurança e confiança tendem a cresce, a imagem correta promove não apenas o aumento da auto-estima, como também a inserção do indivíduo na sociedade e podem transformar a vida do jovem.

Deixe uma resposta