A cirurgia plástica e a felicidade

com Nenhum comentário

De acordo com um estudo realizado pela Universidade da Pensilvânia, nos Estados Unidos, 87% das pessoas que realizam algum tipo de procedimento estético, invasivo ou não, sentem-se mais felizes e satisfeitos com a imagem corporal como um todo. O levantamento, realizado apenas com mulheres, apontou que elas passaram a se sentir mais confiantes.

Os EUA é o maior país em número de cirurgia plástica, com 1.620.855 procedimentos realizados por ano, seguido logo pelo Brasil, com 1.592.106

A cirurgia plástica ocupa um papel fundamental na felicidade de quem se sente insatisfeito com o corpo, pois ajuda pessoas a se sentirem bem consigo mesmas, aumentando a autoestima e confiança, seu dia-a-dia muda e a aproximação com seu corpo melhora. O procedimento é uma forma de acabar com a angustia advinda do sentimento de vazio experimentado, trazendo-lhes satisfação.

Além disso, a função reconstrutora da cirurgia plástica auxilia pessoas que sofreram traumas como acidentes ou possuem má-formação. A cirurgia plástica traz de volta a alegria de viver em paz com sua imagem.

Sensação de bem estar

Deixe uma resposta